Atenção! Inscrições para auxílio de R$ 1.000 de Bolsonaro continuam este mês; Veja como participar

Imagem: Reprodução/Google



O Governo Federal, em parceria com a Caixa Econômica Federal, libera um auxílio financeiro aos brasileiros que querem crescer profissionalmente. O incentivo ocorre por meio do Programa de Simplificação de Microcrédito Digital para Empreendedores, chamado SIM DIGITAL.


O serviço oferece valores de até R$ 1.000 para pessoas físicas que desejam iniciar ou expandir alguma atividade. A ideia da equipe de Bolsonaro é estimular a formalização dos pequenos negócios, no fomento ao empreendedorismo popular.


Entre as novidades está a possibilidade de contratação por negativados, ou seja, com o nome sujo em órgãos de proteção ao crédito, como SPC e Serasa. Além do grupo de pessoas físicas, também podem se candidatar aqueles que atuam como Microempreendedor Individual (MEI).


Auxílio de até R$ 1.000 para pessoas físicas e até R$ 3.000 para MEIs


O novo microcrédito denominado SIM Digital busca beneficiar todos os cidadãos brasileiros que desejam empreender. Para quem é pessoa física, o valor do crédito varia entre R$ 300 e R$ 1.000. Para quem é MEI, o valor é um pouco maior, variando entre R$ 1,5 mil e R$ 3 mil.


As taxas de juros dos empréstimos também são mais levadas em conta em relação às outras oferecidas no mercado. Para pessoas físicas, o valor cobrado é de 1,95% ao mês, enquanto para microempreendedores passa a ser de 1,99% ao mês.


Em ambos os casos, o prazo para pagamento vai até 24 meses e negativo de ambos os grupos pode recorrer ao empréstimo.


Como contratar assistência para empreendedores


No caso do grupo de pessoas físicas, a contratação é feita de forma 100% digital, por meio do aplicativo Caixa Tem. Basta usar a versão mais recente do aplicativo e atualizar seu cadastro para uma conta de Poupança Digital+. A ferramenta está disponível gratuitamente nos sistemas Android e iOS.


No caso de quem é MEI, a contratação é um pouco diferente. É realizado exclusivamente presencialmente, em qualquer agência da Caixa. É importante ressaltar que para solicitar essa modalidade o empreendedor precisa apresentar pelo menos 12 meses de faturamento com CNPJ.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem