Pagamentos do auxílio de R$ 451 retornam em breve. Confira calendário e veja se você tem direito

Imagem: Reprodução/Google


Os brasileiros que receberam R$ 451 em Abril terão acesso a uma nova parcela em cerca de três semanas. Esse valor é formado pela soma de dois benefícios sociais do governo federal: o Brazil Aid e o vale-alimentação.


Atualmente, cerca de 18,1 milhões de famílias recebem o Brazil Aid, que é o maior programa de transferência de renda do país. Seu piso é de R$ 400, ou seja, nenhum beneficiário pode receber menos do que isso por mês.


O Gasoduto, mais conhecido como vale do gás, atendeu quase 5,6 milhões de famílias com repasses de R$ 51 em abril. O benefício deve equivaler a 50% do preço médio nacional do botijão de gás de 13 kg, conforme determina a Agência Nacional do Petróleo.


Isso significa que o valor pode variar a cada dois meses. De acordo com as regras do programa, o governo é obrigado a fazer um novo pagamento por bimestre.


Calendário de auxílios de R$ 51


Aqueles com direito a ambos os benefícios recebem uma nova parcela turbinada a partir de 17 de junho. Como é o caso, a liberação ocorre na ordem do fim do Número de Identificação Social (NIS) dos beneficiários. Veja o calendário:


  • Final do NIS 1: recebe 17 de junho;
  • Final do NIS 2: recebe 20 de junho;
  • Final do NIS 3: recebe 21 de junho;
  • NIS final 4: recebe 22 de junho;
  • Final do NIS 5: recebe 23 de junho;
  • Final do NIS 6: recebe 24 de junho;
  • NIS final 7: recebe em 27 de junho;
  • NIS final 8: recebe em 28 de junho;
  • Final do NIS 9: recebe 29 de junho;
  • NIS Final 0: Recebe 30 de Junho.

Como participar?


O Ministério da Cidadania seleciona os aprovados por meio das informações fornecidas no Cadastro Único (CadÚnico), e não há forma direta de se inscrever nos programas. Para ter a chance de participar, o responsável pela família deve procurar o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) mais próximo para se cadastrar.


Além disso, é necessário se adequar às regras específicas de cada iniciativa. O vale-alimentação aceita famílias com renda mensal de até meio salário mínimo (R$ 606) por pessoa. O Assistance Brasil atende unidades familiares com renda mensal de até R$ 210 por pessoa.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem