Nova CNH já tem data para entrar em vigor no Brasil; Veja tudo o que muda

Imagem: Reprodução/Google


A nova Carteira Nacional de Habilitação, de acordo com a resolução oficial do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), deve entrar em vigor em todo o território nacional a partir de 1º de junho de 2022. Se você tem planos de tirar sua permissão de dirigir, fique atento para descobrir o que pode ter mudado neste novo documento.


O que se sabe inicialmente é que a nova carteira de motorista terá muitos novos recursos. A princípio, o Governo quer trazer mais elementos de segurança para o documento, pois o objetivo é evitar que fraudes aconteçam. Uma mudança no visual e novas subcategorias também serão implementadas na CNH.


Mudanças na habilitação


Antes de mais nada, é importante ressaltar que essas mudanças na estética da Carteira Nacional de Habilitação não passarão despercebidas, pois não terá mais apenas esse tom esverdeado, para assumir as cores verde e amarelo.


Além disso, o documento terá a inserção da assinatura do motorista na parte inferior e logo abaixo da foto, diferente de como é atualmente, já que a assinatura é logo após a dobra.


Só por causa desses detalhes você já deve ter dado para perceber que a carteira de motorista vai sofrer várias mudanças, certo? Um quadro com as silhuetas dos veículos que os motoristas têm o poder de dirigir, por exemplo, também será inserido nele. Além desse detalhe, o projeto criado para este novo documento contará com uma tabela de observações onde é possível colocar as possíveis restrições médicas do motorista ou mencionar que ele realiza alguma atividade remunerada como motorista, se for o caso.


A nova CNH também mostrará, por meio da identificação com a letra "P", que o motorista pode dirigir nesse momento. Os motoristas que levarem o documento final terão a identificação com a letra "D".


Com a validade, não foram feitas alterações, ou seja, a qualificação continua com o prazo de validade tradicional de 10 anos para motoristas com idade igual ou inferior a 50 anos.
O prazo de 5 anos é válido apenas para motoristas entre 50 e 69 anos de idade, enquanto o de 3 anos ainda é válido para aqueles com 70 anos ou mais.

A troca da CNH não será obrigatória


A substituição do documento atual pelo novo não deve acontecer apenas por causa das mudanças recentes, pois o novo modelo terá sua implementação na sociedade gradualmente e pelas seguintes situações:


  • Renovação da CNH;
  • Inclusão de uma categoria;
  • Troca de documentos devido a um erro nos dados impressos;
  • Pedido da segunda via.

Os motoristas que tirarem a primeira carteira de motorista após junho já receberão o novo modelo.


Resumo das principais mudanças


  • Assinatura na parte inferior da foto do motorista;
  • Documento impresso predominantemente em verde e amarelo;
  • Holograma na parte inferior do documento;
  • Nova CNH impressa com tinta fluorescente;
  • Itens que serão visíveis sob luz ultravioleta;
  • Carta P indicando "permissão" para documentos temporários e letra D indicando documentos "definitivos";
  • Quadro com silhueta do veículo que indicará a categoria de qualificação;
  • Tabela de observações com informações médicas e profissionais, se necessário.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem