Imposto de Renda: Consulta das restituições já se encontra disponível, Veja se você será contemplado

Imagem: Reprodução/Google


A Receita Federal liberou consulta a outro lote de restituição do Imposto de Renda. Desde as 10h de ontem (25), os contribuintes podem verificar se estão na lista, que inclui, desta vez, quem regularizou pendências após cair na malha fina.


A restituição será depositada no dia 29 de abril, na conta informada no extrato do IR. O lote liberado agora conta com 210.153 contribuintes, que receberão juntos R$ 180.556.530,18. Grande parte desse valor será para contribuintes com algum tipo de prioridade, divididos da seguinte forma:


3.188 contribuintes têm mais de 80 anos

25.119 têm entre 60 e 79 anos

2.295 têm alguma deficiência física ou mental ou doença grave

9.203 têm no magistério a principal fonte de renda


Caso a restituição não seja resgatada pelo contribuinte no prazo de um ano, será necessário solicitar o resgate através do portal e-CAC, disponível no site da Receita Federal.



Os contribuintes que apresentaram declarações com inconsistências só poderão receber a restituição após a correção das declarações ou enviar documentos que comprovem os dados enviados. Para saber se você caiu na malha fina, ou seja, se houver inconsistências em sua declaração, você precisa consultar a declaração do Imposto de Renda, acessível através do portal e-CAC.


Como ver se você está no lote de reembolso


A consulta ao valor da restituição do Imposto de Renda é feita pelo site da Receita Federal. Confira o passo a passo:


  • Na página inicial, clique em "Meu Imposto de Renda"
  • Na próxima página, clique em "Consultar reembolso"
  • Informações sobre a consulta serão exibidas, incluindo como realizar o procedimento por aplicativo. O contribuinte deve clicar em "Iniciar" para continuar o procedimento.
  • Na próxima página, preencha os dados necessários, incluindo o ano de referência do reembolso. Digite os caracteres exibidos e clique em "Consulta".
  • Em seguida, será apresentada a situação da restituição. Se já foi depositado, ele aparecerá como "Creditado". Caso contrário, ele aparecerá como "Enviado para crédito bancário".

A Receita também orienta sobre o que fazer se o depósito não for feito na data agendada. Neste caso, é necessário reagendar o depósito através dos seguintes canais de atendimento do Banco do Brasil:


Local: www.bb.com.br/irpf

Central de Relacionamento BB: 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (deficientes auditivos)

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem