Caixa Econômica Federal recebe inscrições para o Auxílio de R$ 1.000; Veja como participar

Imagem: Reprodução/Google


A Caixa Econômica Federal continua nesta semana liberando o auxílio de 1.000 reais para pessoas físicas em todo o país, mas o banco ainda está recebendo cadastros de novos interessados no benefício. A princípio, é importante ressaltar que o novo microcrédito também libera valores para MEIs (microempreendedores individuais), porém o valor pode chegar a R$ 3.000 para esse grupo.


O lançamento dessa nova oferta de auxílio está compondo o Programa de Simplificação digital de Microcrédito para Empreendedores, também chamado sim digital, que ocorreu após uma medida do presidente Jair Bolsonaro.


Auxílio de mil reais liberad

O novo auxílio no valor de 1.000 reais incluirá pessoas físicas, incluindo aquelas com o nome de órgãos de proteção ao crédito, como SPC e Serasa. Além disso, como já mencionado, os microempreendedores individuais também terão direito ao benefício, mas com valor diferenciado.


De acordo com as informações da Caixa Econômica Federal, de todas as solicitações de empréstimo no sistema Caixa Tem, mais de 80% foram feitas por pessoas com o nome negativo.


Valores de auxílio


O novo auxílio pode variar de mil a R$ 3.000.


No caso de pessoas negativas, o limite é de até mil, enquanto para mim esse valor máximo pode triplicar.


Em relação aos juros, as pessoas físicas poderão pagar os valores a uma taxa de 1,95% ao mês, enquanto os microempreendedores lidarão com uma taxa que pode chegar a 1,99% ao mês. Além disso, vale ressaltar que os meios de contratação serão diferentes para ambos os grupos.


Também é importante ressaltar que, no caso dos microempreendedores, o dinheiro é para uso no negócio, ou seja, deve ser aplicado como capital de giro para a compra de insumos e equipamentos, por exemplo, a fim de ampliar a produção do empreendimento.


Para pessoas físicas, a contratação deve ser realizada diretamente no aplicativo Caixa Tem, disponível para sistemas operacionais Android e iOS. No caso do MEI, a contratação deve ser feita em uma agência da Caixa Econômica Federal.


Como usar o aplicativo Caixa Tem?


Depois de baixar o APP na loja de aplicativos do seu celular, o usuário deve realizar a atualização cadastral. O usuário será solicitado a digitar o número de identificação, enviar uma selfie e relatar a renda mensal.


No caso do MEI, como já abordamos aqui, o crédito deve ser solicitado na agência da Caixa Econômica Federal. O cidadão deve ter conta na Caixa para contratar e pelo menos 12 meses de faturamento como MEI, além de apresentar também comprovante de residência, documentos pessoais e empresariais.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem