Atenção Brasileiros! Combustível sobe ainda mais, bate recorde, e se aproxima dos R$ 9. Confira detalhes

Imagem: Reprodução/Google


Segundo levantamento realizado pela ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis), o preço da gasolina bateu novo recorde em todo o Brasil. Em média, o valor do combustível foi de R$ 7,270 o litro na semana entre 17 e 23 de abril, passando do recorde anterior de R$ 7,267, registrado entre 13 e 10 de março.


Em alguns locais da cidade de São Paulo, o combustível já foi vendido por R$ 8.599 o litro. Na comparação com a semana passada, segundo a ANP, a gasolina cresceu 0,7%.


A gasolina foi a grande responsável por puxar o IPCA-15 (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo) de abril, segundo dados divulgados ontem, 27, pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), com alta de 7,51%.


O diesel, por sua vez, teve alta de 0,2% entre 17 e 23 de abril, superando uma média de R$ 6,6 o litro na média do Brasil, com o maior preço detectado no Acre, de R$ 7,9 o litro.


O GÁS GLP, por outro lado, apresentou redução de preços de 0,3%, passando de R$113,24 ante R$113,66 na semana anterior. O maior preço foi encontrado em Caçador, Santa Catarina, com o botijão custando R$ 160.


Dado esse aumento, é mais vantajoso abastecer o carro flex com gasolina ou álcool?


Para saber a resposta, há uma conta básica para os consumidores entenderem o que é melhor para o seu carro.


De acordo com a regra, se o preço do etanol corresponde a até 70% do preço da gasolina, a melhor escolha é o álcool.


A fórmula para o cálculo é a seguinte: dividir o valor do desempenho do álcool pelo desempenho da gasolina. Se o seu veículo roda, por exemplo, 7,2 km/litro com álcool e 10 km/l com gasolina, temos 0,72 ou 72% de álcool (7,2 dividido por 10).


Carros equipados com um computador de bordo fornecem esses dados. Se o seu veículo não tiver este equipamento, você deve encher o tanque e redefinir o pedômetro parcial ou anotar o número. Depois disso, você deve percorrer uma distância de sua escolha e encher o tanque novamente, dividindo o total de litros abastecido pela quilometragem redonda.


Depois disso, divida o valor do álcool com a gasolina e descubra qual deles é mais vantajoso.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem