Ajuda de R$1.000 da Caixa Econômica Federal com inscrições HOJE; Confira como participar

Imagem: Reprodução/Google


Pessoas físicas de todo o país podem conseguir uma ajuda de até R$ 1 mil para começar ou melhorar um negócio. Trata-se do Programa de Simplificação de Microcrédito Digital para Empreendedores (SIM Digital). Essa modalidade de empréstimo é oferecida pela Caixa Econômica Federal.


O serviço é oferecido a esse público de forma 100% digital, sem burocracia – pois aceita negativados – e com as melhores taxas de juros do mercado. Basta baixar o aplicativo Caixa Tem e atualizar o cadastro para fazer a solicitação do crédito.


Vantagens do microcrédito Caixa para negativados


Conheça a seguir os benefícios oferecidos pelo novo empréstimo da Caixa:


Economia: O serviço garante as melhores taxas de juros do mercado, que começam a partir de 1,95% ao mês;

Oportunidade: Pessoas físicas podem solicitar até R$ 1 mil para começar ou melhorar um negócio. O objetivo é que ele melhore de vida.

Prazo: O solicitante pode pagar a dívida em até 24 meses.

Sem burocracia: Não é necessário enviar comprovante de renda ou residência para solicitar. Além disso, negativados também podem requerer.

Facilidade: o empreendedor pode solicitar o crédito pelo aplicativo Caixa Tem de forma rápida. Se tudo estiver certo, o dinheiro é rapidamente depositado na conta do solicitante.


Como contratar o empréstimo?


O primeiro passo é criar uma conta no aplicativo Caixa Tem. Quem já tiver uma, deverá atualizar a conta poupança social digital para a Poupança Digital+. O processo de análise dos dados cadastrais é feito em até 10 dias pela Caixa.


Feito isso, caso o crédito tenha sido pré-aprovado, já é possível solicitá-lo. Basta tocar na opção “SIM Digital – Crédito CAIXA Tem” e seguir com o passo a passo.


Com o valor contratado, o dinheiro é depositado na Poupança Digital+. Também é por lá que o pagamento das parcelas é debitado mensalmente.


Vale destacar que além dos R$ 1 mil para pessoa física, o banco também oferece até R$ 3 mil em crédito, neste caso, para quem atua como Microempreendedor Individual (MEI).

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem