Pix errado: É possível resgatar valor que foi transferido por engano? Saiba mais

Imagem: Reprodução/Google


A Pix é uma plataforma online de transferência de valores mobiliários em instituições bancárias, que permite transferências instantâneas. A ferramenta foi criada com o objetivo de modernizar e dar mais segurança ao sistema financeiro no Brasil. Se você fez um Pix errado, veja se você pode resgatar o valor.


As transferências podem ser feitas através de chaves eletrônicas pix, que podem ser número de CPF, número de celular, e-mail ou uma chave aleatória.


Pix errado: É possível resgatar?


De acordo com o Banco Central (BC), não é possível reverter ou cancelar essa categoria de transação se já tiver sido confirmada. Ao realizar a transferência instantânea, haverá um aviso de que ela não pode ser desfeita.


Dessa forma, antes de confirmar o envio do dinheiro, certifique-se de que todas as informações do destinatário estão corretas. No entanto, se o Pix errado acontecer, algumas dicas podem ser úteis ao tentar recuperar o valor.


Se você sabe ou tem o contato da pessoa para quem o Pix foi feito errado, você pode pedir-lhe para entregar o dinheiro. Peça-lhes para entrar no aplicativo do banco e encontrar a função "Devolver valor".


No entanto, se você não conhece a pessoa para quem você enviou o valor, a dica é verificar o Key-Pix. Se for CPF, telefone ou e-mail, você pode fazer uma pesquisa e identificar o cidadão.


Se a chave for aleatória, o procedimento é um pouco mais difícil. Nesta situação, recomenda-se entrar em contato com o banco que o destinatário pix errado é um cliente. Essas informações podem ser verificadas no comprovante de transferência.


Mesmo entrando em contato com a instituição financeira, isso não significa que você terá seu dinheiro de volta. Dessa forma, fique atento antes de fazer uma transferência bancária.


Pix pode ser devolvido?


Em Novembro do ano passado, um ano após o lançamento do sistema, o BC criou uma norma que implementa o Mecanismo Especial de Retorno (MED).


Por meio desse mecanismo, existe agora um conjunto de regras e procedimentos operacionais que as instituições financeiras participantes devem seguir para efetuar uma devolução de dinheiro via Pix.


O mecanismo só funciona, no entanto, em situações específicas:


  • Suspeita de uso da Pix para fraude;
  • Falha no sistema de qualquer um dos participantes.

Assim, o usuário que fez um Pix por engano não se encaixaria nesse formato para receber o dinheiro de volta. No entanto, cabe à instituição financeira avaliar cada caso e entender se o mecanismo de devolução se aplica ou não.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem