Conheça as novas mudanças que virão com a nova carteira de identidade; Saiba mais

Imagem: Reprodução/Google


O Governo anunciou recentemente que o novo modelo de carteira de identidade entrou em vigor. Os órgãos de identificação têm o prazo de Março de 2023 para se adaptarem ao novo modelo.


O decreto que regulamenta o novo modelo foi publicado no Diário Oficial, e o objetivo é evitar fraudes unificando todas as unidades da federação por meio do número do CPF, em vez do número do RG.


O novo modelo entrou em vigor no início de março, e conterá números de RG, CPF, PIS/Pasep, Carteira de Habilitação, além da possibilidade de poder incluir o tipo sanguíneo e mesmo que o titular seja doador de órgãos ou não.


O novo documento pode ser emitido gratuitamente, e o cidadão terá o documento na versão impressa, além de poder acessar a identidade em formato digital. 


Onde fazer a mudança


Basta ir a um instituto de identificação local e apresentar a certidão de nascimento ou certidão de casamento e CPF. Durante a solicitação também será possível incluir um nome social, além de atualizar dados biométricos.


Entre as mudanças que o novo modelo de documento trará estão:


  • O número utilizado para o cadastro nacional será o CPF, e o documento terá QR code, para verificar a autenticidade do documento;
  • O acesso à carteira de identidade digital ocorrerá através do site Gov.br;
  • E para evitar fraudes, quando uma carteira de identidade é emitida em uma unidade diferente de onde a primeira via foi feita, apenas a segunda via será válida;
  • O documento terá o código MRZ, como nos passaportes;
  • Será possível incluir informações como o tipo sanguíneo, se você é um doador de órgãos e outras informações relevantes sobre a saúde sobre o titular.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem