Como saber se o CPF está negativado e como limpar o nome? Veja detalhes

Imagem: Reprodução/Google


O número de endividados voltou a crescer no Brasil, já que quase 65 milhões de brasileiros estão inadimplentes. Os dados são do Serasa e mostram as pessoas que têm o "nome sujo" na praça. Para esses cidadãos, a oferta de crédito e a possibilidade de compra estão completamente comprometidas. Então, veja como descobrir se você está com um nome sujo e o que pode ser feito. Há uma boa oportunidade ativa para resolver as pendências.


Primeiro, saiba que seu nome pode estar sujo no Serasa, Boa Vista SCPC e SPC Brasil. Estes são os três principais órgãos de proteção ao crédito existentes no país. Além disso, se o contribuinte tiver alguma dívida pública, como impostos, o nome pode estar na dívida ativa do Estado ou da União. Neste caso, consulte os portais do governo estadual e federal para ter certeza de que está tudo bem.

O total de atrasos chega a R$ 260,7 bilhões, e o ticket médio por pessoa é de R$ 4.022,52 de dívidas. Vale ressaltar que a situação é séria, mas vem de muito tempo. Desde 2010, o país tem registrado altos níveis de famílias endividadas. A Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor (Peic) mostra isso.


Como ver se o nome está sujo no Serasa:


Basta acessar o site ou baixar o aplicativo do Serasa em seu smartphone – clique em "consultar dívidas". Em seguida, basta se cadastrar usando CPF, nome, nascimento e e-mail. Uma vez que tudo esteja pronto, o usuário acessará uma página que mostra o Score. É uma espécie de pontuação que acarrtou a confiabilidade do consumidor no pagamento das dívidas.


Você também pode ver se alguma dívida está ativa e se há uma proposta de renegociação do saldo. A operação é gratuita.


Aprenda a ver se o nome está sujo no SPC:


Para fazer a consulta padrão ao SPC é preciso entrar no site do SPC Brasil ou no aplicativo.  Clique em "consultar CPF" na página inicial. O acesso às informações é pago, e o plano mais barato custa R$ 16,90.


Como limpar o nome através de armadilhas


Diante da assustadora situação de endividamento, a Serasa decidiu lançar uma edição emergencial do seu Feirão Limpa Nome. Os consumidores podem negociar suas dívidas em atraso obtendo bons descontos. O prazo para conseguir bons negócios termina em 31 de Março.


Os valores devidos podem ser negociados com até 99% de desconto. Entre os segmentos participantes desta edição estão: bancos, varejo, universidades e empresas de telecomunicações. Segundo a Serasa, mais de 20 milhões de dívidas podem ser pagas por R$ 100.


Além do feirão, os inadimplentes também podem recorrer ao Força-Tarefa Nacional de Negociação de Dívidas e Orientação Financeira. O programa é oferecido pela Federação Nacional dos Bancos (Febraban) e conta com uma parceria do Banco Central (BC), além dos Procons de todos os estados.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem