Auxílio em dobro: 5 milhões de pessoas podem receber até R$ 456 por mês. Veja detalhes

Imagem: Reprodução/Google


Milhões de brasileiros que recebem o Brazil Aid têm dúvidas se podem ou não receber o vale-gás nacional ao mesmo tempo. Segundo o presidente Jair Bolsonaro (PL), é possível que os dois benefícios sejam pagos juntos, totalizando o valor de R$ 456.


O valor é resultado da soma do Auxílio Brasil, no valor de R$ 400, e do vale-gás nacional, cuja previsão para o próximo mês é de R$ 56. O aumento do preço do botijão de gás de 13 kg anunciado pela Petrobras prevê um aumento no benefício, que passará de R$ 50 para R$ 56.


Atualmente, mais de 18 milhões de brasileiros recebem o Brazil Aid, que substituiu o Bolsa Família. No caso do vale-gás, a base assistida é menor e chega a 5 milhões de cadastrados. No entanto, a previsão é aumentar o número de assistidos para 11 milhões em breve. Com isso, o grupo também pode acumular o valor de R$ 456.


Existe uma lei que impeça o acúmulo de benefícios?


Como regido pela lei de benefícios, nada impede que o cidadão receba tanto o Auxílio Brasil quanto o vale-gás nacional. A única exceção em relação ao acúmulo de benefício está relacionada ao Benefício de Prestação Continuada (BPC) e daqueles que são aposentados ou pensionistas do INSS.


Lembrando que a análise que garante a entrada em ambos os programas é feita pelo Ministério da Cidadania, que utiliza os dados obtidos no Cadastro Único (CadÚnico) para definir o público elegível. O critério social analisado inclui a renda das famílias em situação de pobreza ou extrema pobreza. 

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem