Confirmado! Aposentadorias e pensões terão reajuste em 2022. Veja quais foram as mudanças

Imagem: Reprodução/Google


Aposentados e pensionistas do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) terão seus benefícios reajustados a partir de 25 de janeiro. A correção será de 10,16% para todos os segurados que ganham mais de um salário mínimo e passam a receber pagamentos até janeiro de 2021.


Aqueles que não completaram os 12 meses completos terão direito a reajustes percentuais menores. Este grupo é composto por todos os cidadãos que receberam a primeira parcela após fevereiro do ano passado.

Para quem ganha um salário mínimo por mês, a correção passou de 10,18%, para R$ 1.212. O novo piso do instituto está em vigor desde 1º de janeiro de 2022.


Por que os valores foram ajustados?


De acordo com a legislação, o governo precisa atualizar a remuneração dos segurados do INS para garantir a manutenção de seu poder aquisitivo. Deve ser feito com base no Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) do ano anterior, calculado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).


No início deste mês, a agência informou que o INPC de 2021 ficou em 10,16%. O indexador mediu a inflação para as famílias que ganham de um a cinco salários mínimos.


Novos valores de benefícios do INSS


Com a mudança, o teto de pagamentos do INSS passa de R$ 6.433 para R$ 7.087. Confira a tabela abaixo e veja como ficam os novos valores de benefícios:


Reajuste dos valores dos benefícios do INSS em R$


Imagem: Reprodução/Google


Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem