Atenção beneficiários! Será liberado a partir deste mês o abono do PIS/Pasep de 2019

Imagem: Reprodução/Google


O PIS/Pasep é o benefício pago por empresas privadas e públicas com o objetivo de melhor distribuição da renda nacional. Para os trabalhadores que não retiraram o benefício para o ano-base 2019 terá uma nova chance de sacar o benefício este ano, entenda melhor.


Abono PIS/Pasep


O Ministério do Trabalho e Previdência Definiu uma nova data para todos os trabalhadores que tinham direito a receber o benefício do PIS/Pasep em 2019, mas que por algum motivo não o retiraram.


Assim, cerca de 320 mil trabalhadores estão aptos a receber o abono, totalizando R$ 208,5 milhões disponíveis para serem distribuídos. A data do pedido começou anteriormente em 8 de fevereiro, mas foi adiada, e os trabalhadores poderão fazer o pedido a partir de 31 de março.


Quem é capaz de desenhar?


O trabalhador que conseguir sacar o abono em 2022 deve ter trabalhado pelo menos 1 mês em 2019, além de cumprir algumas regras necessárias, tais como:


  • Ter recebido um salário máximo de 2 salários mínimos em 2019;
  • Estar inscrito no PIS/Pasep há pelo menos 5 anos;
  • Tenha os dados informados pela empresa na Relação Anual de Informações Sociais (RAIS).

PIS/Pasep Valor: 


O valor a ser pago refere-se ao valor dos meses trabalhados no ano base. Entretanto, os valores serão proporcionais ao piso salarial de 2022 (R$ 1.212,00). Assim, o pagamento de cada mês de trabalho será de R$ 101,00, e se você trabalhou os 12 meses em 2019, poderá receber o valor integral do salário mínimo, portanto:


  • Quem trabalhou 1 mês = R$ 101,00;
  • Quem trabalhou 2 meses = R$ 202,00;
  • 3 meses = R$ 303,00;
  • 4 meses = R$ 404,00;
  • 5 meses = R$ 505,00;
  • 6 meses = R$ 606,00;
  • 7 meses = R$ 707,00;
  • 8 meses = R$ 808,00;
  • 9 meses = R$ 909,00;
  • 10 meses = R$ 1009,00;
  • 11 meses = R$ 1100,00;
  • 12 meses = R$ 1212,00

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem