Veja quem terá direito ao auxílio emergencial retroativo em 2022.

Imagem: Reprodução/Google

Um novo repasse do auxílio emergencial pode ocorrer ainda nos próximos dias. Para viabilizar esse pagamento, o governo federal liberou uma verba de R$ 4,1 bilhões para o Ministério da Cidadania, pasta responsável pelo programa.


Não se trata de uma prorrogação da iniciativa, que chegou ao fim em outubro de 2021. Esses valores serão repassados exclusivamente para um grupo de pessoas: os pais de famílias monoparentais.


Quando o auxílio emergencial foi criado, o plano era pagar duas cotas de R$ 600 para pessoas monoparentais, sejam elas mães ou pais. Contudo, o presidente Jair Bolsonaro vetou a liberação em dobro para os homens, permitindo apenas que as mães chefes de família a recebessem R$ 1.200.


Mas o Congresso Nacional derrubou o veto presidencial, possibilitando o pagamento dos valores retroativos. Se a medida se confirmar, cada pai solteiro receberá R$ 3 mil, equivalente a cinco parcelas retroativas.


Consultar do auxílio emergencial retroativo

Quem se enquadra nessa situação pode acompanhar o benefício realizando uma consulta pelo site ou aplicativo do programa. Confira o passo a passo:


  • Entre no app ou site do Auxílio Emergencial;
  • Informe seu CPF, nome completo, nome da mãe e data de nascimento;
  • Clique em “Enviar”;
  • Consulte as informações sobre seu auxílio emergencial.

1 Comentários

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem